Você está pronto para ter essa conversa?

Fevereiro de 2019

Artigos em destaque


Não é novidade pra ninguém que a comunicação é elemento central da interação humana e pode alavancar ou quebrar uma empresa. Ser capaz de se comunicar efetivamente com seus clientes pode levar a um aumento nas vendas, novos negócios e muitas indicações. Infelizmente, a situação oposta também é verdadeira e as marcas que não conseguem estabelecer uma interação relevante com seus consumidores tendem a amargar resultados bem negativos. 


Portanto, uma questão fundamental que as empresas enfrentam em nossa sociedade cada vez mais conectada é a de como elas podem melhorar suas comunicações com os clientes para crescer e prosperar?


A resposta que eu tenho em relação a esse grande problema é conceitualmente bem simples: empresas parem de (apenas) falar com seus clientes e passem a conversar mais com eles. Sim, pois como diriam muitos terapeutas por aí, "é conversando que a gente se entende". Conversas são caminhos infinitamente melhores para se iniciar uma comunicação efetiva com seu público, muito mais do que a tradicional propaganda (não importa o quão potente seja sua estratégia de mídia… Se você estiver só tagarelando e não ouvindo, todo seu esforço estará apenas criando mais ruído).


EU JÁ CONVERSO COM MEUS CLIENTES. 
Muitas empresas gritarão em reprovação ao meu singelo comentário. Ok, mas você está fazendo isso da maneira correta e no LUGAR certo? Se a sua resposta envolver de alguma forma as palavras e-mail, central de atendimento ou formulário no site… PARE, não estamos mais em 2006.


Caso você queira, de verdade e do fundo do seu coração, conversar com o seu cliente é importante que você, antes que mais nada, use o canal preferido dele para essa finalidade. Hoje, para 1,5 bilhão de pessoas ao redor do globo as conversas estão sendo realizadas majoritariamente em um único lugar: no WhatsApp. No Brasil, 96% dos donos de smatphones estão inseridos nessa estatística.


E para a sua sorte, Mark e companhia abriram a plataforma do Whats às empresas no ano passado \o/ (ufaaa, alguma coisa boa eles tinham que ter feito em 2018). Primeiro foi com o WhatsApp for Business voltado a pequenos negócios e depois com a liberação da API que colocou as grandes corporações na brincadeira. Mas a verdade é que muita gente, principalmente nas micro e pequenas empresas, já usavam o app para fins comerciais há muito tempo (eu agendo horários pra cortar cabelo e confirmo presença em consultas médicas através do app desde 2013). Antes do Business, entretanto, não era possível organizar ou escalar o volume de conversas de forma inteligente e automatizada na plataforma. 


Gostou da dica? Ótimo. Só não se empolgue e saia correndo pra começar a usar o aplicativo de qualquer jeito na sua empresa. Lembre-se de que, primeiro, a função básica da plataforma é a de permitir interações através de conversas e, segundo, toda boa conversa pressupõe o interesse de ambas as partes na troca de informação. Definitivamente não tente replicar o que acontece hoje com o SMS, onde as marcas simplesmente vomitam ofertas "imperdíveis" nos consumidores que nem se lembram de terem feito o opt-in pra isso.


E aí, você está preparado pra ter essa conversa com o seu cliente?

Por: Rodolfo Felipe